Política

Quinze, vereador de Duque de Caxias, é morto a tiros em São João de Meriti

13.09.2021

O vereador e ex-policial militar Joaquim José Quinze Santos Alexandre, conhecido como Quinzé, de Duque de Caxias, foi morto a tiros na noite de domingo, 12. O crime aconteceu no Parque Novo Rio, em São João de Meriti, município vizinho na baixada fluminense.

De acordo com informação da Polícia Militar, policiais do 21ºBPM (São João de Meriti) foram acionados para verificar uma ocorrência na Avenida Estácio de Sá. No local, encontraram o vereador já sem vida.

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense foi acionada e realizou perícia no local. A Polícia Civil informou que as investigações estão em andamento. Ainda não há suspeitos da autoria do crime.

Fonte: Estadão Conteúdo

newsletter-img

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail. Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita. Inscreva-se e receba a newsletter

Posts relacionados

Política

Aras quer suspender MP de Bolsonaro contra remoção de conteúdo nas redes sociais

O procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou ao Supremo Tribunal Federal na manhã desta segunda-feira, 13, parecer defendendo a suspensão da medida provisória editada pelo presidente Jair Bolsonaro para regular a remoção de conteúdo pelas redes sociais. O chefe do Ministério Público Federal sustentou que a medida cautelar – com validade até que a corte […]

13/09/2021

Política

CPI da Covid: juiz intima Marcos Tolentino e autoriza condução coercitiva

O juiz Francisco Codevila, da 15ª Vara Federal do Distrito Federal, acolheu um pedido do presidente da CPI da Covid, Omar Aziz, e determinou a intimação do advogado e empresário Marcos Tolentino da Silva, para que ele compareça a depoimento perante o colegiado nesta terça-feira, 14, às 9h30. O magistrado ainda autorizou a condução coercitiva […]

13/09/2021

Política

Juíza arquiva investigação contra Lula sobre tráfico de influência para OAS

A juíza Maria Carolina Akel Ayoub, da 9ª Vara Federal de São Paulo, determinou o trancamento de um inquérito conta o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre suposto tráfico de influência internacional para favorecer a empreiteira OAS. A decisão foi proferida na sexta-feira, 10 e acolheu um pedido da defesa do petista. Na página […]

13/09/2021