Política

Pacheco: Presidência do Senado ainda definirá data de instalação da CPI da Covid

15.04.2021

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmou que ainda definirá a data de instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da covid-19, mas garantiu que vai viabilizar o funcionamento da investigação, após o Supremo Tribunal Federal (STF) confirmar a determinação para início dos trabalhos.

“Daremos todos os instrumentos necessários para o funcionamento da CPI”, afirmou Pacheco na noite desta quarta-feira, 14, no Senado. O presidente da Casa reforçou que a reunião de instalação da comissão para eleição do presidente, escolha do relator e aprovação do cronograma de trabalho, será presencial. A partir daí, os procedimentos presenciais e virtuais dependerão dos membros da CPI.

A comissão terá um prazo de 90 dias para concluir os trabalhos. Esse período, porém, pode ser prorrogado por decisão de Pacheco. O Palácio do Planalto tenta adiar o máximo a investigação, temendo prejuízo político para o presidente Jair Bolsonaro. Membros da comissão, porém, avaliam que a comissão vai funcionar de qualquer forma, mesmo que algumas etapas fiquem para depois.

Fonte: Estadão Conteúdo

newsletter-img

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail. Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita. Inscreva-se e receba a newsletter

Posts relacionados

Política

Em carta a embaixador chinês, Pacheco destaca conduta externa responsável

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), em carta encaminhada ao embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, destacou a “conduta externa responsável e construtiva” adotada por ambos países. Pacheco também defendeu uma “configuração internacional” e “convergência entre nações” para superar desafios como o aquecimento global e o combate a doenças e à pobreza. “Disso […]

07/05/2021

Política

Maioria dos países adota cota para mulheres na política; 22,6% reservam cadeiras

Leis e normas para impulsionar a participação feminina na política estão presentes na maioria dos países do mundo, de acordo com a base de dados do Instituto para a Democracia e Assistência Eleitoral (International IDEA), uma organização intergovernamental composta por vários países. Numa lista de 124 nações analisadas pela entidade, 28 (22,6%) reservam cadeiras no […]

07/05/2021