Política

Lula tem acesso a mensagens de Moro obtidas por hackers

30.01.2021

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado na Lava Jato, conseguiu acesso a novas mensagens obtidas na Operação Spoofing – investigação que mirou um grupo de hackers que invadiu celulares de autoridades como o ex-juiz e ex-ministro da Justiça Sérgio Moro e procuradores da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba. O conteúdo das conversas foi revelado pela revista Veja.

Em dezembro, o ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski mandou a Justiça do Distrito Federal compartilhar com Lula as mensagens da Spoofing. O petista pretende usá-las para reforçar a tese de que Moro foi parcial ao condená-lo a nove anos e meio de prisão na ação do tríplex do Guarujá.

Em uma das conversas, em 16 de fevereiro de 2016, o então juiz Moro pergunta se os procuradores têm uma “denúncia sólida o suficiente”. Ex-coordenador da força-tarefa em Curitiba, Deltan Dallagnol responde que acredita que o material está “suficientemente forte”. “Na parte do crime antecedente, colocaremos que o esquema Petrobrás era um esquema partidário de compra de apoio parlamentar, como no mensalão, mas mediante indicações políticas para arrecadar propina para enriquecimento ilícito e financiamento de campanhas”, diz.

Em outra mensagem, de 6 de setembro de 2016, Deltan pede que, ao tomar o depoimento do empreiteiro Leo Pinheiro, ex-executivo da OAS, Moro “impeça” relatos sobre “fatos alheios” ao objeto do processo. “Talvez seja o caso de impedir Leo Pinheiro de depor sobre fatos alheios ao seu caso. Estamos suspeitando de que ele poderá querer forçar uma colaboração sem acordo, ainda que fajuta, e buscar diminuição da pena na cadeia recursal”, escreve. Moro responde: “Ah sim, só sobre o objeto da acusação”.

Em 18 de outubro de 2016, um dia antes da prisão do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (MDB-RJ), Deltan procura Moro para combinar uma conversa sobre “apreensão dos celulares”. Na mesma conversa, passa informações sobre uma reunião com suíços e americanos para “negociar percentuais da divisão do dinheiro”. “Estamos em prévia com os suíços que nos ajudarão a dar menos para os americanos”, afirma.

Julgamento

A defesa de Lula pediu ao ministro do STF Gilmar Mendes, presidente da Segunda Turma, “prioridade” no julgamento sobre a suspeição de Moro. Em dezembro de 2018, Gilmar pediu vista, depois que dois ministros já tinham votado contra as pretensões do petista. O relator da Lava Jato, Edson Fachin, e Cármen Lúcia rejeitaram o habeas corpus. Faltam os votos de Gilmar, Lewandowski e Nunes Marques. As mensagens obtidas pelos hackers foram divulgadas pelo site The Intercept Brasil meses após o início do julgamento na Corte.

Procurado, Moro não quis se manifestar. Os advogados que representam os procuradores no Paraná não comentaram.
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: Estadão Conteúdo

newsletter-img

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail. Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita. Inscreva-se e receba a newsletter

Posts relacionados

Política

Políticos lamentam a morte do ex-vice presidente Marco Maciel

Políticos lamentaram a morte do ex-vice presidente da República Marco Maciel, que morreu neste sábado, 12, em Brasília. O então político tinha 80 anos e era diagnosticado com Alzheimer. Antes de se tornar pessoa pública, ele atuava como advogado. Maciel foi vice-presidente durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, de 1995 a 2003. Além disso, […]

12/06/2021

Política

Apoiadores de Bolsonaro se concentram para motociata em SP

O trânsito nas Avenidas Olavo Fontoura, nos dois sentidos, e Santos Dumont, no sentido centro, está bloqueado para uma manifestação em apoio ao presidente Jair Bolsonaro feita por motoqueiros na manhã deste sábado, 12. Os moradores da zona norte de São Paulo que desejam seguir para o centro têm de fazer desvio pela Avenida Braz […]

12/06/2021

Política

Marco Maciel morre aos 80 anos e Democratas enfatiza perfil íntegro

O ex-vice-presidente da República Marco Maciel faleceu nesta madrugada, aos 80 anos, em Brasília, de acordo com nota divulgada nesta manhã pelo presidente do Democratas, Antonio Carlos Magalhães Neto. ACM Neto e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, do mesmo partido, enfatizaram nesta manhã a postura íntegra de Maciel durante sua vida política. ACM lamentou […]

12/06/2021